A vida de uma menina mulher contada de uma outra forma...

22
Out 09

 

Bom dia penso para mim!

Lá fora chove e o primeiro friozinho à seria que chega ao maravilhoso Alentejo faz-se sentir! Ao som da chuva que bate incessantemente e no seu ritmo a cabeça divaga sem saber por onde começar!

A Criança que fui outrora desapareceu, não a parte boa da criança, em que brincar é parte diária da vida, mas aquela parte cujas experiências nos fazem amadurecer! Como dizia Shakespeare, “(…)começamos a aceitar as derrotas sem a tristeza de uma criança(…)”

E como me sinto, consigo ser bastante mais realista em relação às minhas vitórias e às minhas derrotas. E começo a mentalizar que por vezes não somos capazes de conseguir determinado feito porque não é o momento! Perguntam vocês, o porquê desta conversa toda? Porquê na correria desenfreada que foi a minha vida nestes últimos tempos tive que parar, e ao parar reparei em coisas que não reparava, parei internamente para me conhecer ainda melhor, para buscar a minha integridade, para falar comigo mesma. Caríssimos, a vida é bastante bela mas não é um mar de rosas, e até as rosas têm espinhos! Isto soou-me a cliché! Mas é sem dúvida uma verdade extrema.

Por exemplo nestes últimos tempos em que estive ausente no blog, consegui alcançar um objectivo profissional que ambicionava à praticamente seis anos! E felizmente com muito esforço consegui transitar para a minha área de formação.

Contudo as adversidades já não me mandam abaixo e finalmente percebi que apesar de tudo temos fortes motivos para continuar em frente, para reconstruir caso seja necessário. Dás com a cabeça? Levanta-te, sorri porque tens mais uma experiencia de vida contigo e recomeça!

Sim a pequenarebelde que já não é tão pequena quanto isso, e que a rebeldia já não se manifesta como outrora...mas que continua a ser rebelde...cresceu…amadureceu…

Sim a pequenarebelde acorda e apesar da minha vida estar um pouco fora de rumo, mais uma vez agradeço a Deus a grande conquista que fiz nesta minha vida profissional que suporta todas as outras adversidades,

Sim a pequenarebelde agradece porque nesta empresa sou uma das poucas que o conseguiu,

A pequenarebelde acordou e viu, com olhos de ver, que afinal é uma excelente pessoa, que tem defeitos como todos nós, que têm sombras no seu brilho, mas que se ama mais que nunca, que se valoriza e que as criticas servem apenas de motor condutor para reforçar a personalidade que tenho…

Sim porque não é falta de modéstia, é conhecimento daquilo que sou e não sou, da boa profissional que sempre fui e meti em causa devido a pessoas menos competentes em que o posto de chefia serve apenas para dizer, sim eu mando mas que como humanitárias deixam algo a desejar, adquiri conhecimento de muitas horas sós sem um telefone a ligar, sem um amigo, em que a melhor e única companhia era eu e o silêncio que me fez passar por sítios internos que desconhecia mas que espiritualmente me elevaram a alma…

E finalmente deixei de por em causa quem sou, como sou…e aquilo que faço...

O mais correcto é dizer que deixei de ser o meu pior inimigo, a maior critica em relação a mim mesma, e finalmente tornei-me na minha melhor amiga….

 

Beijocas e sejam rebeldes….

 

Como dizia Raul Solnado, façam o favor de ser felizes…. E acima de tudo amem-se a vocês mesmos!!!! Mas para isso têm de se conhecer melhor, internamente, com o melhor e o pior que são, onde podem chegar...quais os vossos limites!!!!

 

deixo um beijinho a todos os que me visitam, à fátima que é uma querida e da última vez nem lhe retornei o comentário, ao Neo que não tenho conseguido ir espretar os seus blogs, e ao sonhadoremfulltime que também não sei como vai....

A vós meus queridos amigos beijinhos da sempre e melhorada pequenarebelde!!!

publicado por pequenarebelde às 12:15
sinto-me: tranquila, em paz
música: Josh Groaban

Outubro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
23
24

25
26
27
28
29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO